14/02/2013

"E faço chover..."

Pela cara das nuvens, o céu vai desabar hoje. E, mesmo que cada gota de chuva que caísse, junto com o peso e a pressão do ar atmosférico, fosse altamente doloroso e destrutível, eu ainda não veria motivos para não estar debaixo dela. Nada, nesse momento, é mais doloroso do que o peso de sua ausência em minha vida e do que a falta que você faz em meu coração. Mas, ainda assim, eu não sei se quero mais você. Nada sei... Nada sei.

13/02/2013

"Naquela fase..."


Estou, agora, naquela fase em que leio as coisas e não as associo, em que as pessoas dizem coisas para você dar risada, e você ri para não deixá-las sem graça. Até mesmo isso, que acabei de escrever, agora já não faz mais sentido.

01/02/2013

"A letra T..."

"O meu amor tem um jeito manso que é só seu
E que me deixa louca quando me beija a boca
A minha pele toda fica arrepiada
E me beija com calma e fundo
Até minh'alma se sentir beijada"
(O Meu Amor - Chico Buarque)

Te vejo arrumando as malas e sei que é chegada a hora de te ver partir. É incrível ter que segurar a dor de abandonar você mais um vez, sem saber quando vou voltar a encontrar minha felicidade de novo nesses olhos lindos. É sempre incerto o retorno, diferente do partir.

Te conhecer foi, literalmente, uma festa. Em um mix de luzes, pessoas, um rockzinho de fundo, estava eu trocando as palavras, sem saber o que falar, nem dar conexão aos diversos pensamentos e vontades que surgiam em minha mente, naquela madrugada de junho. Tive que olhar para o lado e para baixo diversas vezes, respirar fundo e me conter, para não lhe arrancar dalí e fazer o que hoje sou capaz de fazer todas as noites e dias.

Tive certeza, depois do primeiro beijo, naquela mesma noite, que já estava apaixonado. Passaram-se alguns meses, e acho que foi bom ter esperado um pouco, porque agora posso oficialmente dizer que você é meu. É maravilhoso me reapaixonar por você, novamente, todos os dias.

Tento não contar os segundos para ter você de novo dentro do meu abraço, mas é tão difícil. Cada vez que você me liga, me chamando de “mô”, sua voz penetra tão forte e ao mesmo tempo tão suave, que eu me vejo perdido e sem rumo, como uma bola de vôlei quando sai da zona.

Tenho guardado em meu peito e na cabeça - que já pensa em você sem nem perceber - todos os momentos lindos que tenho vivido ao seu lado. Tem pouco tempo, eu sei, mas, dizem que a intensidade que envolve a coisa é realmente a dona de tudo. E esse tempo, desperdiço sem pena só para ver você inclinando a cabeça para sorrir de qualquer bobagem que digo... Apenas o sorriso mais lindo e risada mais gostosa que já ouvi.

Tô aqui só para dizer que você é muito especial para mim. Te amo!


"Acabei de deixar estas pequenas coisas escaparem pela minha boca
Porque é de você. Ah, é de você, 
É de você que elas fazem parte
E eu estou apaixonado por você
E por todas essas pequenas coisas"
(Little Things - One Direction)